terça-feira, 23 de fevereiro de 2016

MOTORISTAS SÃO COMODISTAS ...

Ô GENTE COMODISTA
É MOTORISTA
NÃO QUER VER CARRO NEM GENTE
NEM NO 'OUT DOOR' À SUA FRENTE

terça-feira, 16 de fevereiro de 2016

domingo, 14 de fevereiro de 2016

NOSSO BLOGUE VISTO NO BRASIL E NO MUNDO

SEMANA DE 07/02/2016, 18h A  14/02/2016,  17h

Visualizações de páginas por país

Gráfico dos países mais populares entre os visitantes do blogue

Entrada

Visualizações de páginas

Brasil

570
Alemanha
245
Estados Unidos
73
Ucrânia
29
Rússia
24
Portugal
14
Angola
7
França
5
Romênia
4
Reino Unido
2

sábado, 13 de fevereiro de 2016

BOLETIM DOCE LIMÃO - FEVEREIRO/ 2016

m Sexta-feira, 12 de Fevereiro de 2016 21:10, Doce Limão escreveu:



Clique aqui para visualizar on-line 
Facebook icon Twitter icon Forward icon
 Boletim Doce Limão - Janeiro 2016
Reciclar é preciso
Nova Categoria: Perguntas & Respostas
 
Nosso Boletim de Fevereiro vem comemorar a revisão e ampliação desta Nova Categoria do Doce Limão!
Nossa função em responder os internautas e assinantes é dar um caminho de orientação e esclarecimento. Por ser o site de uma escritora, nosso conteúdo, em geral, não valoriza ofertar explanações ou respostas resumidas, mas com o máximo de conteúdo para que você se sinta mais informado e preparado para seguir sua pesquisa e estudos aqui e/ou em outros lugares.
Mas brincando com a arte de escrever, meio cientista meio gaiata, nosso propósito é educar, conscientizar, 'acordar' e germinar... É amar com empatia, amar com gratidão! A tudo e a todos!
Porque, quanto mais gratidão sentimos, mais VIDA VIVA SEREMOS.
Mais Fios Dourados tecemos. Mais PAZ e clareza, mais empatia e carinho VIVEREMOS.
Namasté!
Conceição Trucom e Equipe
 
Limão x Sistema Digestivo
Transformações & Crescimento
Linhaça
Confira também
Detox de Páscoa
Livro: E se não houver alimento?
Visite nossa loja, curta nossa página no Facebook e assista ao nosso canal no Youtube!
Doce LimãoFacebookYoutube
Seja NOSSO ASSINANTE
você só tem a GANHAR

quinta-feira, 11 de fevereiro de 2016

"ONDE SOBEJA A ÁGUA, FALTA O GOSTO"

"ONDE SOBEJA A ÁGUA, FALTA O GOSTO" (dito popular português)

SOBEJO ou SUBEJO (SO(u)BEJA, SO(U)BEJAR) talvez seja um arcaísmo. A última vez que ouvi alguém pronunciá-la foi em 1980, num evento social em Feira de Santana (Bahia). Um senhor (já falecido) disse para uma mulher que, sem prestar atenção, pegou uma taça para que ele colocasse champanhe. Gentilmente ele disse: 'essa taça não; ela está com sobejo"

SOBEJO ou SUBEJO significa sobra e provavelmente vem do latim SUPER (SOBRE em português). Quando o que sobeja (água, refrigerante ou bebida alcoólica ...) está presente num copo, isto significa não necessariamente que alguém tenha "beijado" o copo. Embora saibamos que ninguém leva um copo à boca sem beijá-lo e, a depender do caso, sem deixar a marca do batom - o que dá muito samba e poesia..

Podemos interpretar o ditado português de vários modos. Vejamos apenas dois:

1 - O mais literal. Não deve ser muito gostoso beber o resto, a sobra que alguém deixou no copo. Falta de higiene, de educação e de bom gosto. Salvo se, no caso de um ritual de consumo da erva de um chimarrão, por exemplo. Quando o bocal e a bomba passa de boca em boca ... todos bebem o que sobra da saliva do vizinho. Ainda mais quando é cumprida a tradição de fazer a "cuia roncar"

2 - Quanto mais uma roupa ou uma música tem uso massivo dificilmente poderemos encontrar qualidade, bom gosto, fino gosto. nas pessoas, na roupa e na música.. Quantidade não é necessariamente qualidade

terça-feira, 9 de fevereiro de 2016

NAVEGAR É PRECISO, VIVER NÃO É PRECISO"


A autoria primeira desta frase ´é do general Pompeu. Não é de Luiz de Camões, nem Fernando Pessoa que, aliás, a copiou do poeta italiano Francesco Petrarca (1304-1374). Este poeta tirou-a do livro "A Vida de Pompeu" de autoria de Plutarco (106-48 aC). O general romano Pompeu tentava animar sua tropa dizendo (em latim, claro!): "Navigare necesse; vivere non est necesse".:

Apesar de ter mais de 2.000 anos, esta frase é tão atual quanto ao longo dos séculos tem se prestado a inúmeras interpretações.

Navegar é preciso porque, de um lado, não podemos ficar estagnados física, psiquica, intelectual ou espiritualmente. De outro, consideremos que a precisão fica por conta do seguinte: seja na navegação aérea, seja na navegação marítima, os instrumentos (de navegação) são cada vez mais precisos e sofisticados a fim de proporcionar a combinação rapidez & segurança. À navegação.

E viver ... porque não é preciso? Porque estamos aqui e agora vivendo e, então, não necessitamos mais do que viver/continuar vivendo. Nada mais. Porque, por outro lado, o único momento de precisão (exatidão) da vida é seu último suspiro. É o instante preciso da morte.

Viver não é preciso também porque não é exato, nem perfeito. Cada um de nós escreve com linhas tortas e imprecisas o nosso livro da vida. Talvez essa falta de precisão deva nos alertar para agirmos sem precisar dizer: "Se eu pudesse fazer o tempo voltar atrás ..."

segunda-feira, 8 de fevereiro de 2016

EM QUANTOS TONS DE CINZA SE ENTREGARÃO AOS NOSSOS SENTIDOS AS CINZAS QUE SE SEGUIRÃO À QUARTA FEIRA DE CINZAS?

EM QUANTOS TONS DE CINZA SE ENTREGARÃO AOS NOSSOS SENTIDOS AS CINZAS QUE SE SEGUIRÃO À QUARTA FEIRA DE CINZAS?

Também eu, não sei. Ainda que eu tivesse a honra de me  chamar Raimundo, isto "seria apenas uuma rima não seria a solução" (Drummond) ... para o Mundo. Mas já posso ouvir os gritos das cinzas vulcânicas: "O horror! O Horror!"

Ingênuo, ainda espero ver no 'day after' do Carnaval, ainda que apenas UMA pessoa a enfiar, no próprio rosto, a máscara do rosto do sujeito pictórico de Munch (